Agosto: um mês indígena

Por quê em Agosto?

Atualmente, procuramos mostrar as pessoas do mundo inteiro que nós não podemos “lembrar”, simplesmente,como se eles tivessem morrido. Eles vivem hoje em dia.

Há muitos povos que mantem seus conhecimentos e que conhecem seus direitos. E eles não moram só na “mata”. Muitos indígenas foram para as grandes cidades para trabalhar. Então, alguns deixaram de se reconhecer como indígenas. Por isso, esses encontros de Agosto, mostram que os não-indígenas podem trocar conhecimentos com os indígenas e vice-versa.

Para fechar, é preciso destacar que esse mês se tornou um mês indígena por causa de muita luta. 
Um desses indígenas guerreiros, Leonard Peltier, do povo Sioux, da região de Dakota (EUA), chamado Crow Dog (cachorro urubu), reivindicou seus direitos, em 1973. Todas as pessoas podem buscar seus direitos, como Leonard Peltier. Quando buscamos nossos direitos, tornamos nosso mundo melhor…
No Brasil, Agosto também se tornou um importante mês, no qual muitos povos indígenas se organizam para mostrar que estão presentes em todos os espaços. Algumas atividades começaram a acontecer nos CEU’s, do município de São Paulo. São eventos públicos e gratuitos, com intuito de aproximar o público geral dessa temática. As escolas tem sido espaços importantes para debater questões atuais e reverter os quadros de preconceito. Tem sido um sucesso! Participe você também!

Confira aqui a programação completa do CEU Butantã:
Um pouco mais sobre a história dos povos Sioux, visite essa página.

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión /  Cambiar )

Google photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google. Cerrar sesión /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión /  Cambiar )

Conectando a %s